terça-feira, 17 de março de 2015

Só você sabe o tamanho da sua vontade! "Cala a boca e continua!" Continuar é para os fortes!

Bom dia!!!

Antes de tudo gostaria de agradecer a você que está sempre por aqui lendo meus textos! Ultrapassamos as 7 mil visualizações! Obrigada!!! Minha comemoração e a alegria que isso me trás têm tudo a ver com o tema de hoje: Só você sabe o tamanho da sua vontade! Não desista nunca! "Cala a boca e continua!"
                                 


Ninguém consegue ter a real dimensão da vontade que temos de alcançar nossos sonhos! Vontade não é mensurável... Ninguém nunca entenderá quão dispostos estamos, quão persistentes e perseverantes somos... Somente cada um de nós conhece essa força tão íntima que carrega dentro de si!

Certamente é muito mais fácil desistir e atribuir o fato de não termos alcançado o que queríamos a alguém ou a nossa má sorte ou à dificuldade da coisa em si do que continuar. Continuar é para os fortes!

Seu sonho pode ser fazer uma faculdade, encontrar um namorado bom ou namorada, casar, ter filhos, emagrecer, engordar, tornar-se um(a) escritor(a), ou um(a) cantor(a), ou mesmo um ator ou uma atriz, mudar de cidade, não importa qual seja o seu sonho, só você conhece a importância que ele tem para sua vida!

Se eu tivesse desistido, provavelmente hoje minha vida seria bem diferente... Nasci no interior, numa família sem muitas condições financeiras e ainda bem pequena decidi que queria ser médica. Parecia apenas um sonho para a maioria das pessoas, para outras soava como loucura mesmo, coisa impossível de alcançar devido à realidade dos fatos. Mas eu estava decidida! Quando ainda pequena não conhecia a palavra IMPOSSÍVEL, então seguia adiante com meu sonho. Depois já adolescente, a época de realmente começar a tomar decisões e fazer minhas escolhas, comecei a entender a dimensão do meu sonho. Parecia grande demais, distante demais, mas nada impossível (e agora eu já conhecia o significado dessa palavra)! Sempre fui estudiosa, mas decidi que tinha que ser a melhor aluna que eu pudesse e assim o fiz, tudo com o intuito de alcançar meu objetivo. Fui estudar o segundo grau em outra cidade, porque na época a minha só tinha cursos profissionalizantes: magistério ou técnico em contabilidade. Morei de favores em casas de tios. Meus pais se sacrificaram para pagar uma boa escola para mim. Uma madrinha me deu um curso de inglês. Aproveitei cada oportunidade, mas não passei no primeiro vestibular que prestei. Meus pais percebendo o tamanho da minha vontade acreditaram no meu sonho e mudamos todos para Uberlândia, para que eu pudesse fazer cursinho pré-vestibular e eu e meus irmãos tivéssemos a chance de entrar numa faculdade federal. Eu estudava o dia inteiro! Meu cursinho era a noite, mas ia mais cedo para para tirar dúvidas com os professores. Estudei muito e não passei no segundo vestibular, nem no terceiro! Consegui um desconto para estudar de manhã no pré-vestibular. Estava triste, emagreci quase dez quilos, mas minha determinação não me permitia parar, mesmo quando a desilusão e o desespero batiam. Questionei minha própria fé em Deus me revoltando por um dia ou dois, depois a tristeza e a revolta passavam e eu continuava. No quarto vestibular, o terceiro que prestei  na Universidade Federal de Uberlândia (UFU) eu passei em terceiro lugar, com uma nota altíssima! Foi um alívio! A realização do meu sonho! Aos olhos de quem me via parecia loucura e impossível, mas eu consegui!

Outro grande sonho de minha vida é tornar-me uma escritora profissional, conseguir publicar meus livros, ter meus leitores fiéis, tornar-me conhecida no mundo da literatura. Sempre gostei de escrever, mas de vez em quando precisamos concentrar nossas energias em um sonho de cada vez! Depois de formada fiz uma pós-graduação num curso de residência médica em Oftalmologia, comecei a trabalhar como empregada em uma clínica, não estava feliz e saí de lá para montar meu próprio consultório! Pronto! Agora meu sonho estava realizado por completo! Era hora de retomar o outro que eu havia deixado para trás! O de ser escritora! Em 2014 retomei minhas atividades literárias! Voltei a ler com mais dedicação e voltei a escrever: minhas poesias, meus contos, minhas crônicas e quando dei por mim havia terminado de escrever meu primeiro romance! Comecei outra luta comigo mesma para nunca desistir! Quero conseguir uma editora que me banque, que acredite em mim e invista nesse meu sonho! Não é fácil! Nada fácil... Na verdade é muito difícil mesmo! Mas hoje conhecendo bem o significado da palavra impossível, sei que isto não é! Estou tentando, fazendo tudo que preciso e sei que um dia vou conseguir! Semana passada cheguei a ficar triste, questionei a viabilidade disso tudo e foi quando assisti a um vídeo do Frederico Elboni falando sobre viver da escrita e ele dizia: " Quando você achar que não está dando certo, cala a boca e continua!". Foi o que fiz e terminei de escrever meu terceiro romance, meu quarto livro. Fiz uma revisão, pedi a uma querida amiga, Júlia,  para ler e me dar sua opinião e sugestões, fiz nova revisão e mandei para registro na Biblioteca Nacional. Agora eu vou buscar novamente contato com as editoras. Aquele "cala a boca e continua" era tudo o que eu precisava ouvir naquele momento!

Então, meus queridos, espero que este texto tenha sido tudo o que precisavam ouvir hoje! Não desistam! Jamais! Todo sonho é difícil mesmo, e é por isso que atribuímos a ele este nome SONHO! Mas nenhum sonho é inalcançável. Lembre-se: Só você sabe o tamanho da sua vontade! Se realmente deseja muito algo, corra atrás, não desanime!

Beijos e boa sorte!

Deixe seu comentário usando o facebook!